VENDAS DE TABLET DESPENCAM EM 2016

De acordo com pesquisa, nova queda deve ocorrer em 2017

Texto: Guilherme Bomfim

Foto: Banco de imagens

Em pesquisa realizada pela IDC Brasil, o mercado de tablets está passando por uma crise. De acordo com o estudo IDC Brazil Tablets Tracker Q4, a venda desse tipo de aparelho caiu em 32% em 2016, quando comparado a 2015. Dentre as vendas analisadas estão os tablets e os notebooks destacáveis.

Mesmo com a queda acentuada, os valores não variaram muito. Durante a análise foi constatado que o valor médio aumentou apenas 3%. “Em 2015, os tablets custavam, em média, R$ 500. No ano passado, os preços ficaram na faixa de R$ 513”, afirmou Wellington La Falce, analista de mercado da IDC Brasil.

A projeção para o ano de 2017 não está ~e muito animadora. Estima-se que a quantidade de tablets vendida esse ano seja 7% inferior a 2016, uma diminuição bem menos acentuada. Acredita-se que isso deve ocorrer porque o aparelho ainda faz parte da lista de desejos do público infantil.

Veja Também