ILUMINAÇÃO É PARTE DA DECORAÇÃO!

Foi-se o tempo que uma luminária era apenas um objeto emissor de luz

Texto: Marina Brandão
Imagens: Divulgação

Pensar a luz para cada tipo de ambiente exige a compreensão das necessidades envolvidas naquele espaço – que sensação se quer passar àqueles que o frequentam. Tipos de revestimentos, texturas, cores, estampas… Tudo é importante para se definir o tipo de iluminação que irá somar com a arquitetura.

A iluminação de ambientes é composta, basicamente, pela fonte luminosa, que emite a luz propriamente dita, e a parte envoltória, que dá “suporte” à fonte. Estes elementos formam a luminária, aparato que distribui a luz emitida pela fonte luminosa e que possui os acessórios necessários para que este conjunto funcione perfeitamente.

Conforto visual
A luminária tem papel fundamental no projeto de iluminação, pois influencia diretamente na eficiência da luz no ambiente e, principalmente, no conforto visual dos usuários. Na maioria dos casos, são as luminárias que garantirão a correta emissão do fluxo luminoso das lâmpadas a partir de seu refletor.

Além disso, outros aspectos precisam ser observados na escolha da especificação: qualidade e resistência dos materiais; proteção contra umidade; montagem, desmontagem e limpeza; e até a facilidade de acesso à lâmpada.

Contudo, nem só de aspectos técnicos se compõe uma luminária. Outro fator bastante importante é seu desenho – ou design –, que servirá como peça fundamental na decoração do espaço.

Variedade
Atualmente, o mercado apresenta uma grande variedade de produtos nacionais e importados que atendem às características de um bom desenho e qualidade funcional de produto. Com eles, é possível fazer com que a luz seja um item complementar à arquitetura e à decoração. Foi-se o tempo em que estes artigos eram apenas objetos emissores de luz.

Sejam luminárias decorativas ou técnicas, o bom desenho está em produtos agradáveis esteticamente e que, além disso, também atendam à parte técnica.

Originalidade e eficiência são duas características que estão diretamente ligadas ao bom design das luminárias. É interessante que, além de bonita, a luminária mostre um bom rendimento e que garanta o conforto visual das pessoas. É importante evitar o excesso de luminância na direção da visão (e isto pode se dar em luminárias que deixem aparente a fonte luminosa).

Os produtos são diversos e exploram cada vez mais o universo de novos materiais e técnicas para a área da luz. O gosto estético dos clientes está cada vez mais apurado e exigente. Fica por conta dos especificadores, então, o entendimento sobre a parte técnica das luminárias.

Veja Também