Projeto luminotécnico elaborado para um boliche em Barretos (SP) mostra a relevância deste elemento em espaços comerciais

Texto: Marina Brandão
Imagens: Marcio Oliveira

Com uma identidade arquitetônica baseada em valores intimistas e aconchegantes, o Boliche North Bowling reúne pistas de boliche profissional, mesas de sinuca, restaurante, choperia e uma área reservada a eventos. O espaço recebeu um projeto de iluminação especial para compor o projeto arquitetônico, que se baseou na elaboração de um ambiente despojado e com um ar de “fábrica de chopp”. Tudo isso, com uma premissa importante: receber os clientes com muito conforto e personalidade.

Para o projeto luminotécnico, buscou-se modular diferentes sistemas de iluminação, com o objetivo de criar uma atmosfera agradável e funcional. O espaço (com mais de 900 metros quadrados de área construída) foi elaborado com uma decoração dinâmica e múltipla, criando-se vários ambientes diferentes.

Cenários
Sendo assim, foram elaborados “cenários” com três tipos de iluminação. O primeiro, o de iluminação geral do ambiente, que, devido ao grande pé direito do local, foi resolvido com lâmpadas vapor metálico 35W 30°. Além disso, a tonalidade amarelada e quente das lâmpadas oferece um ar mais intimista ao espaço das mesas.

O segundo sistema é a iluminação da pista de boliche. Aqui, por se tratar de uma área destinada ao lazer, recorreu-se à tecnologia fluorescente de luz mais difusa e abrangente. Na área onde ficam as máquinas e mesas de apoio para os jogadores, foram utilizadas luminárias com quatro lâmpadas de 14W, todas na tonalidade 3000K. A pista recebeu o mesmo tipo de solução, luz difusa, porém, através de sancas feitas no teto de gesso. Este detalhe recebeu, ainda, uma iluminação feita com “luz negra” (escolhida para datas especiais e eventos específicos).

A mesma tecnologia fluorescente foi utilizada nas áreas “molhadas”, como banheiros, cozinha e área administrativa. Assim como em detalhes específicos, como uma sanca feita acima do painel das mesas/sofás e a área sob o mezanino, que recebeu um charmoso forro de ripas de madeira. A iluminação embutida por trás deste forro de madeira causou um efeito de textura bem interessante nas paredes.

O terceiro sistema diz respeito à iluminação de destaque dos mobiliários, que é feita com LEDs. Todos os balcões, os de atendimento e do bar, receberam, abaixo da bancada de madeira, uma linha contínua e difusa (na potência de 19,8W/m), em tonalidade amarelada. Tal aplicação proporciona um destaque especial ao móvel, criando nichos iluminados e “soltando” a bancada do restante do móvel.

Luminárias
O bar também ganhou uma montagem de prateleiras feita com acrílico e iluminação em backlight, feita com linhas contínuas de LED. Esta área ainda foi equipada com projetores orientáveis para lâmpadas do tipo halógena dicroica, todas com 50W de potência e facho de 38°. Os projetores orientáveis estão focalizados na área de trabalho do barman, que necessita de boa visibilidade para a preparação dos drinks.

Também para complementar a decoração e a ambientação do espaço, foram especificadas luminárias pendentes de acabamento de alumínio fosco, buscando-se harmonizar com o contexto despojado do projeto de arquitetura. Estes pendentes foram especialmente colocados acima dos balcões de atendimento/bar e mesas de sinuca.

Há, ainda, uma área reservada para eventos que fica no mezanino da loja. Neste espaço optou-se por um sistema de iluminação pontual, feito com projetores de luz halógena dicróica, para dar certa dramaticidade ao cenário. Além disso, balizadores de piso compuseram o desenho e a estética do ambiente.

A preocupação do trabalho em conjunto com a arquitetura sempre foi de fazer um ambiente que transmitisse confiabilidade e satisfação aos frequentadores do boliche, ao mesmo tempo, comunicando a ideia de que aquele é um lugar ideal para diversão. Indiscutivelmente um projeto de iluminação elaborado de forma cautelosa (e em parceria com um bom projeto de arquitetura e interiores) ajuda a construir uma atmosfera de bem-estar para os frequentadores do empreendimento.

Veja Também