CANTINHO DA SABEDORIA

0
Créditos: (Projeto: Cris Paola Foto: Hamilton Penna)

Arquiteta dá dicas preciosas para transformar seu local de estudo

Com o fim das férias de julho, é hora de pensar na volta às aulas. Afinal, estudar faz parte da rotina de muitas crianças, adolescentes e adultos. Devido a isso, ter um cantinho funcional e otimizado para os estudos, pode facilitar bastante está tarefa diária de muita gente.

Pensando nisso, a arquiteta Cris Paola, do Studio Cris Paola, separou algumas dicas excepcionais para quem deseja ter um espaço em casa reservado para estudar. Confira!

Local adequado

Antes de qualquer orientação sobre design, a profissional ressalta a importância da exclusividade do ambiente. Segundo ela, o lugar pode ser um cantinho do quarto ou mesmo da sala de estar ou jantar. A especialista só enfatiza que o mais importante é que o espaço seja tranquilo, para que quem for estudar consiga manter o foco na tarefa.

Para isso, Cris garante que o lugar não necessita de uma grande metragem. “É possível aproveitar um espaço que não seja utilizado como, embaixo da escada ou mesmo um pedaço do rack ou aparador”, explica. A arquiteta ainda destaca uma atenção especial para a escolha da cadeira que, por ser muito utilizada, deve proporcionar conforto e ergonomia.

Organização

Cris também dá uma dica especial de como manter o ambiente sempre organizado. Afinal, em meio a livros e apostilas é importante ter o material sempre visível.  “Descarte tudo que não estiver funcionando ou não for útil, como lapiseiras quebradas, canetas sem tinta, livros e papeis velhos”, aconselha. E complementa: “Se o espaço for dedicado para uma criança, guarde brinquedos, joguinhos e tudo que possa desviar a atenção. Estojo e papeis são o suficiente”, sugere.

Iluminação e Toque final

No quesito iluminação, Paola pontua que o ideal é que o espaço esteja posicionado próximo à janela. Diante da impossibilidade e pensando em horários noturnos, uma luminária de mesa integra o canto de estudos. E, para finalizar, ela chama atenção para o quesito decoração, Pôsteres, bonequinhos e até a foto preferida da última viagem podem ajudar nessa missão. “Essa identificação com o ambiente colabora para que o estudante queira estudar, sinta-se dono e curta estar ali”, encerra.

Veja Também